22jun/15
Thumbnail

Um belo exemplar de Pinot chileno: Arboleda Pinot Noir 2013

Participamos no último dia 10 de junho de mais uma degustação virtual promovida pelo Winebar, que contou com a presença da embaixatriz da Viña Arboleda, Maria Eugênia Chadwick (veja aqui). Fundada em 1999, a bodega é um projeto pessoal do respeitado Eduardo Chadwick na região do Aconcagua.
No último post (relembre) comentei Chardonnay da mesma safra 2013, com um excelente resultado na taça. Mas, hoje a vez é de um tinto também muito bom, elaborado com a queridinha (e incompreendida talvez na mesma proporção) Pinot Noir, originária da França, mas que dá bons resultados em várias partes do mundo, com estilos diferentes, nem sempre parecidos com os famosos e caros Borgonha.
O vinho de hoje envelheceu durante 12 meses em barricas de carvalho francês, sendo que 25% delas são novas. Interessante que a passagem de um ano por madeira não deixou o vinho amadeirado em exagero, ao contrário não escondeu a fruta e considero que o carvalho lhe deu complexidade e suas características estão em boa integração com o frutado.
Na taça a coloração é típica dos Pinot, um rubi de boa transparência. Nos aromas as tradicionais frutas vermelhas silvestres, cereja, algum floral e notas lembrando folhas secas. A madeira está discreta, com aromas levemente tostados.
Na boca tem corpo típicos dos Pinot do Novo Mundo, mas sem os exageros do álcool ou da madeira, algo que infelizmente acontece. Elegante, com boa acidez e taninos presentes, sem agressividade. Fruta exuberante se repetindo, com notas tostadas da madeira (sem excessos) e bom equilíbrio entre suas características. Refrescante. Tem final longo, repetindo tudo e dando vontade de mais uma taça.
Confesso que já bebi vários Borgonha mais acessíveis, procurando encontrar algum interessante e que caiba no meu bolso. Então, posso afirmar que pelo preço desse vinho encontrei muito poucos franceses com características tão interessantes.
*** Por favor, leiam o parágrafo acima novamente, para que não fique a impressão de que estou comparando os vinhos da Borgonha com os Pinot Noir do Chile. Combinado?
Para harmonizar com o vinho a vinícola indica pratos à base de aves, risotos delicados, importando que não sejam muito temperados.
Detalhes da compra:
O vinho é importado pela Expand e vendido em sua loja virtual por R$155, mas essa garrafa eu recebi em casa para participar de mais uma degustação virtual promovida pelo Winebar (veja aqui a entrevista completa).
Saúde a todos!

Originally posted here - 

Um belo exemplar de Pinot chileno: Arboleda Pinot Noir 2013

19jun/15
Thumbnail

Norton Elegido Lote Negro Nº1 2007

Este vinho faz parte de uma série especial da vinícola argentina Norton, comercializada apenas na própria bodega. Foi elaborada pelo talentoso enólogo Jorge Riccitelli e é composta por três cortes da uva Malbec.
O Lote Negro Nº 1 é o top da linha. Logo em seguida vêm o Azul e o Vermelho, os quais também já pude degustar. Sem dúvida, o mais interessante é mesmo o Lote Nego, sobre o qual eu falo mais um pouco a seguir:
Tipo: Tinto.
Produtor: Norton.
Origem: Mendoza, Argentina.
Visual: Cor violeta de média profundidade.
Olfato: Frutas maduras, café, especiarias e tostado.
Paladar: Maduro, com médio corpo e taninos marcantes. Final de durabilidade média e bem picante.
Outras considerações: Elaborado com as variedades Petit Verdot e Malbec, este é um vinho que ainda tem a evoluir com a guarda. Sua graduação alcoólica é de 14,5%. Um bom par para carnes vermelhas. O produtor não informa sobre o seu estágio em madeira nem sobre a porcentagem do corte, apenas indica que as uvas são procedentes das melhores parcelas de seus vinhedos.
Classificação: Muito Bom.
Média de preço: 100 pesos argentinos.

Follow this link:

Norton Elegido Lote Negro Nº1 2007

18jun/15
Thumbnail

Salentein produz vinhos exclusivos para a rede Outback

A rede de restaurantes Outback, que já oferecia boas opções de vinhos em sua carta, agora conta com uma novidade. São dois vinhos, um tinto e um branco, elaborados pela prestigiada vinícola argentina Salentein.

O tinto é um blend das uvas Malbec, Cabernet Sauvignon e Petit Verdot. Já o branco é feito com a variedade Torrontés. Nas lojas Outback do Recife (shoppings Recife e RioMar), os rótulos estão sendo vendidos a R$ 63. As bebidas também estão disponíveis em taça, no valor de R$ 18,50.

Os vinhos Outback foram desenvolvidos para harmonizar com os pratos da rede. O responsável pelas duas seleções foi o enólogo Pepe Galante, responsável por famosos vinhos argentinos, em conjunto com seu braço direito na vinícola, Gustavo Bauzá. “Fizemos muitos testes, experimentações e degustações até chegarmos às duas seleções ideais para os vinhos Outback. Tudo para alcançar o ideal de qualidade, sabor e corpo”, explicou Galante. A importação é da Zahil.

Tive a oportunidade de provar a versão tinta do vinho. Confira a avaliação:

Outback Red Selection 2014


Elaborado no Vale do Uco, em Mendoza, o vinho tem em sua composição as uvas Malbec, Cabernet Sauvignon e Petit Verdot. Sua coloração é de um violáceo profundo e os aromas apresentam agradáveis notas de ameixa, alcaçuz e especiarias. Paladar de médio corpo, com bom equilíbrio entre acidez e taninos. Além das mesmas características sentidas no nariz, podemos registrar no sabor um toque de café. Final de média durabilidade, com um marcante gosto de especiarias. Um vinho jovem e versátil, que cai bem com os diferentes cortes de carne da casa. Tem 14% de álcool.

Classificação: Bom.
Preço: R$ 63.

Serviço:
Outback Recife
Shopping RioMar
(Segunda a quinta: das 12h às 15h e das 18h às 23h. Sexta: das 12h às 15h e das 17h30 às 0h. Domingos e feriados: das 12h às 22h30)
Shopping Recife
(Segunda a quinta: das 12h às 15h e das 18h às 23h. Sexta: das 12h às 15h e das 18h às 0h. Domingos e feriados: das 12h às 22h30)

Continued here:  

Salentein produz vinhos exclusivos para a rede Outback

18jun/15
Thumbnail

Importadora faz promoção de São João para o Nordeste

O São João é uma época de festejos no Nordeste. Pensando nisso, a Licínio Dias (LD) Importação lançou uma promoção de época com entregas para as cidades de Recife, Natal e João Pessoa, válida até o dia 30/06. Na compra de um vinho, o cliente leva outro.
São cinco seleções de grandes rótulos de Portugal e da Espanha, com preços que variam entre R$ 104 e 148. As opções são as seguintes:
:: Espumante Vadio Brut 2009 + Quinta da casa Amarela 2009 = R$ 148,47
:: Cepa 21 2006 + Quinta da Casa Amarela 2009 = R$ 144,38
:: Casa dos Zagalos 2006 + Assobio 2010 = R$ 104,44
:: Herdade do Portocarro 2008 + Assobio 2010 = R$ 104,73
:: Tapada do Chaves Branco 2008 + Vinha da Defesa Rosé 2012 = R$ 112,45
Pedido mínimo de R$ 200. Encomendas pelo fone (81) 3125-8080 ou pelo e-mail vendas@liciniodias.com.br

Continued here:

Importadora faz promoção de São João para o Nordeste

17jun/15
Thumbnail

Alamos Viognier 2012


Tipo: Branco.
Produtor: Catena Zapata.
Origem: Mendoza, Argentina.
Visual: Coloração amarelo palha com reflexos dourados.
Olfato: Aparecem abacaxi, mel, pêssego, damasco e leves notas tostadas.
Paladar: Possui médio corpo, acidez balanceada e bom frescor. O sabor traz de volta as sensações do nariz junto com um discreto toque mineral. Final prolongado.
Outras considerações: Elaborado 100% com a variedade Viognier, o vinho passou seis meses em carvalho americano e francês. A linha Alamos é feita para o mercado internacional e tem como principal característica a boa relação entre preço e qualidade. Este vinho tem 13,5% de álcool e combinou muito bem com comida japonesa.

Classificação: Muito Bom.
Média de preço: R$ 48 (Importadora Mistral)

Read more:

Alamos Viognier 2012

16jun/15
Thumbnail

Dois Cavas de qualidade abrem a primeira a seleção do Clube W Espumantes

Conforme já havia falado aqui no blog, a Wine.com.br lançou recentemente uma nova modalidade para o seu clube de assinaturas. Trata-se do Clube W Espumantes, que oferecerá, durante três meses, seleções exclusivas da bebida. As se associar ao Clube, os clientes recebem duas garrafas de espumante no valor de R$ 58, cada, e têm os mesmos benefícios dos outros tipos de assinatura.
No último fim de semana, provei os dois exemplares da primeira seleção e fiquei bem satisfeita com a qualidade dos produtos. A dupla da estreia é composta por dois Cavas* produzidos pelas Bodegas Langa.
*(espumantes espanhóis elaborados na região de Penedès que são produzidos através do método tradicional, com segunda fermentação em garrafa)
Confira a avaliação:
Cava Real de Aragón Brut


Tipo:
Espumante.
Produtor: Bodegas Langa.
Origem: Calatayud, Penedès, Espanha.
Visual: Cor amarelo palha. Perlage fino e intenso, com bolhas bem centralizadas e de boa durabilidade.
Olfato: Frutas brancas, como melão e maçã, um leve toque floral, notas de levedura e de bolo de frutas.
Paladar: Envolvente, mostra acidez agradável, boa cremosidade e sensação de “agulha” bem presente. O sabor retrata sensações semelhantes às encontradas no nariz. Boa persistência.
Outras considerações: Elaborado com as variedades Chardonnay e Macabeo, este espumante maturou dez meses em contato com suas leveduras e passou mais três anos descansando nas caves da bodega. Tem 11,5% de álcool.

Classificação: Muito Bom/Excelente.

Cava Real de Aragón Brut Rosé


Tipo: Espumante.
Produtor: Bodegas Langa.
Origem: Calatayud, Penedès, Espanha.
Visual: Intensa coloração cereja. Borbulhas intensas e de boa persistência.
Olfato: Apresenta notas de frutas silvestres frescas, como morango e framboesa, além de toques de flores secas e de panificação.
Paladar: Tem corpo médio, acidez correta e boa sensação de frescor. As frutas predominam o sabor, de forma elegante, mas também aparecem as outras características percebidas no aroma.
Outras considerações: Este é produzido apenas com a uva Garnacha e estagiou nove meses em contato com as suas leveduras. O envelhecimento nas caves foi de três anos. Sua graduação alcoólica é de 12%.
Classificação: Muito Bom.

Link:

Dois Cavas de qualidade abrem a primeira a seleção do Clube W Espumantes

15jun/15
Thumbnail

Super Adega Experience Evento

Super Adega Experience Evento LOCAL – Pontão do Lago Sul DATA – 24 e 25 de junho HORÁRIO – 10h VALOR – R$ 200,00 CONTATO – www.superadega.com.br Estrutura: Estrutura coberta com climatização e estacionamento Degustação: Vinhos, espumantes, uísques e cervejas Entrada: O ingresso é individual e válido para um dia Crédito em Compras: O valor do ingresso de R$ 200,00 será convertido em créditos para […]

Super Adega Experience EventoBlog Vinho Tinto.

Read original article:  

Super Adega Experience Evento

15jun/15
Thumbnail

Branco chileno de personalidade, maduro e ideal para sushi: Arboleda Chardonnay 2013

Participamos no último dia 10 de junho de mais uma degustação virtual promovida pelo Winebar, dessa vez entrevistando a Maria Eugênia Chadwick, embaixadora internacional da marcaViña Arboleda, fundada em 1999. É um projeto pessoal do respeitado Eduardo Chadwick na região do Aconcagua, cujo nome é uma homenagem às árvores nativas preservadas em suas vinhas. Em seus vinhedos.

Em seus vinhedos cultiva as brancas chardonnay e sauvignon blanc, além das tintas pinot noir, carmenère, syrah e cabernet sauvignon. Particularmente gostamos muito dos vinhos de regiões mais costeiras do Chile, como San Antonio, Leyda e Casablanca.

O vinho de hoje, um 100% chardonnay, foi premiado recentemente no Japão com o título de “Melhor Vinho para Sushi”, pela Asian Food Sushi, num painel que reuniu 340 especialistas. Segundo enfatizou a assessoria de imprensa, “os juízes enfatizaram a acidez e aroma de laranja misturado com notas sutis de frutas tropicais como manga e abacaxi, deixando a boca com mineralidade refrescante, principais características que o levaram à premiação. Estas características, juntamente com a densidade e viscosidade, alcançam uma combinação perfeita com ingredientes ricos em gordura, como queijo, creme sushi, abacate, camarão, e única e irrepetível geração de salmão”.

Durante a vinificação o vinho é fermentado integralmente em barricas de carvalho francês (30% novas). A alguns dos lotes foram inseridas leveduras selecionadas, enquanto uma grande parte (44%) foi fermentada em barricas, usando leveduras silvestres naturalmente presentes na pele das uvas. Depois disso, passou dez meses por envelhecimento sur lieparaganhar complexidade.

Vamos ao vinho!

Na taça apresenta coloração amarelo-palha. Bem aromático, predominando notas maduras, de frutos brancos e tropicais como abacaxi em calda, maracujá doce e boa presença do tostado da passagem por barricas de carvalho.
Na boca é intenso em sabores. Vinho maduro, de acidez mediana e boa complexidade. Frutos tropicais bem maduros, madeira dando recado, mas sem deixar o vinho pouco interessante. Refrescante e de personalidade. Final médio-longo, repetindo no palato todas as características percebidas no nariz e na boca.

Ao ler a descrição acima – a respeito do uso da madeira e do envelhecimento sobre as borras da fermentação – poderíamos imaginar um vinho pesadão, que fosse difícil de agradar até o último gole, porque é comum encontrarmos vinhos assim por aí. Mas, não foi o caso desse.

A harmonização poderia ser com carnes brancas, aves e queijos brancos. Um vinho maduro, com boa capacidade para harmonizações, mas aqui em casa testamos com sushis que nossa filha adora. Ficou muito bom!

Detalhes da compra:

O vinho é importado pela Expand e vendido em sua loja virtual por R$120, mas essa garrafa eu recebi em casa para participar de mais uma degustação virtual promovida pelo Winebar (veja aqui).

Saúde a todos!

Original article - 

Branco chileno de personalidade, maduro e ideal para sushi: Arboleda Chardonnay 2013

14jun/15
Thumbnail

Bottle Rock – Música harmonizada com vinho e ótima culinária

Imagina um evento ao ar livre que ofereça música ao vivo, comida de chef e vinho de qualidade. Pois é, essa a proposta do Bottle Rock, um Festival que acontece anualmente no Napa Valley, na Califórnia, e que reúne  em três dias de festa mais de 120 mil pessoas. O evento está ganhando cada vez mais notoriedade no mundo. Esse […]

Bottle Rock – Música harmonizada com vinho e ótima culináriaBlog Vinho Tinto.

From:  

Bottle Rock – Música harmonizada com vinho e ótima culinária